BOLETIM COVID-19

Minas Gerais permanece em estado de calamidade pública por mais seis meses

O governador Romeu Zema assinou o decreto que prorroga a situação em todo o estado até junho de 2021


Publicado em: 31/12/2020 às 09:35hs

Minas Gerais permanece em estado de calamidade pública por mais seis meses
Foto: Marcelo Barbosa/Imprensa MG

Em edição extra do Diário Oficial de Minas Gerais desta quarta-feira, 30, foi publicado o decreto que prorroga por seis meses o Estado de Calamidade Pública em Minas Gerais. Anteriormente, o prazo seria até 31 de dezembro, porém, com o aumento dos casos de contaminação pela covid-19 no estado, a situação foi prorrogada até 30 de junho de 2021.

O governador assinou o decreto durante a videoconferência com os parlamentares, realizada nesta terça-feira, 29. Segundo ele, não foi somente por questões de saúde pública, mas também pelas consequências sociais e econômicas causadas pela pandemia. Além disso, o texto também será analisado pela Assembleia Legislativa do estado.

Ainda segundo o governador, a prorrogação será utilizada para que o Estado possa destinar mais recursos para a Saúde. É válido ressaltar que a situação de calamidade foi reconhecida em Minas pela Resolução 5.529, de 25 de março de 2020.

Até o momento, a Secretaria de Saúde de Minas Gerais contabilizou que 530 mil pessoas foram infectadas pelo coronavírus e 11.615 mil faleceram. Quanto a isso, Zema afirmou que “o relaxamento e o cansaço das pessoas nesses últimos três meses tenham causado o aumento do número de infectados e das internações”, concluiu.